No Recife, lei que proíbe utilização de celular nas agências bancárias é ignorada

Falta bom senso!

celular-no-banco

Lei 14.727, julho de 2012, promulgada pelo Presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, Deputado Guilherme Uchôa, determina:

Art. 1º: É vedado, nos ambientes destinados aos caixas de atendimento e aos caixas eletrônicos de instituições financeiras ou bancárias localizadas no território do Estado, o uso de aparelhos eletrônicos, tais como: bip, telefone celular, rádio, walkman, agenda eletrônica, notebook, palmtop, tablets ou qualquer outro que possibilite a comunicação entre pessoas;

A lei é clara e tem como objetivo inibir a ação de bandidos nas agências e também nas chamadas ‘saidinhas’ de bancos. Porém, a realidade encontrada é o inverso do esperado. É possível encontrar facilmente dentro da maioria dos bancos, clientes que desrespeitam as normas e utilizam os equipamentos livremente. A maioria delas, usam o celular para trocarem mensagens ou fazerem ligações, mesmo com cartazes informando a proibição.

A lei prevê punições para que a desrespeita. O infrator  ficará sujeito à apreensão do equipamento pelo responsável do estabelecimento, que somente será devolvido na saída do local. A fiscalização, que deveria ser feita pelos seguranças, na maioria das vezes é ignorada. Poucos abordam os clientes e falam da proibição.

Para saber mais, clique aqui !

Anúncios

Aviso: Não nos responsabilizamos pelos comentários publicados pelos internautas. As opiniões retratadas não refletem necessariamente a posição do blog.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s